Papo Cristão

O cristianismo que não aceita falhas não é cristianismo

8 de agosto de 2017

Hoje acordei com uma suposta notícia de que uma cantora Gospel esteja se envolvendo com drogas, também me lembro quando um cantor gospel se envolveu em uma polêmica e desde então perdeu todos os fãs que o “idolatravam”.

Quando eu era mais nova eu entendia que ser cristã era ser santa e sei que muitos acham isso mas esse ensinamento é errado. Essa busca pela santidade criada pelo homem nos tornou pessoas hipócritas, hoje, nós colocamos níveis nos pecados, adulterar é um pecado muito grave e mentir pro seu filho é um pecado leve sendo que na bíblia esta claro que não existe pecadinho ou pecadão.
Outra coisa que fazemos é julgar apenas os pecados expostos, ou seja, aquele tipo de erro que não dá pra esconder ou que veio à tona. Você pode trair seu marido mas só será julgada por isso se ficarem sabendo. Digo isso porque acho engraçado como nós cristãos não cuidamos um dos outros , se o fato da cantora for verdade ela será, ou melhor, já está sendo massacrada por isso, ao invés de orarmos pela vida nós nunca mais vamos aceita-la como cantora, ela será julgada nos lugares que for e sua carreira será findada. Esse cristianismo que não aceita erros não é o cristianismo de Jesus.

O Justin Bieber antigamente estava como usuário e foi preso mas quando voltou, seus fans estavam lá para ele. Chris Brown, Michael Jackson, Britney Spears e etc, todos eles voltaram para seus shows depois de polêmicas e seus fans continuavam lá. Porque as pessoas “do mundo ” conseguem dar segunda chances para as pessoas e os cristãos não? Exatamente por essa falsa santidade que buscamos nos outros, exatamente por não aceitarmos o cair do homem e por não lermos a Bíblia.

O cristianismo que eu sigo é o que me faz reconhecer todos os dias o quanto eu sou falha e pecadora e que só estou aqui pela graça de Deus, graça essa que veio para todos, independente de quem eles são. Sou pecadora e isso me iguala a cantora que usou drogas, ao cantor que se desviou, ao ladrão que roubou, ao pastor que traiu… Todos eles cometeram erros aos olhos de Deus. Aprender a reconhecer isso é o que nos faz parar de julgar o outro, reconhecer que também erramos é o que nos faz sentir a dor do outro. Porque o nosso erro está em achar que aquilo nunca iria acontecer com a gente, está em achar que por ser alguém famoso a pessoa não passa por sofrimentos ou por tentações.

Quando Jesus estava perante a prostituta e várias outras pessoas com pedras na mão, Ele não disse: – olha quem nunca se prostituiu que atire a primeira pedra. Não, ele disse quem nunca PECOU que atire a primeira pedra.
A questão não estava no tipo do pecado, a questão estava apenas no pecado e ponto.
Não estou aqui dizendo pela cantora em si, esse texto não é só sobre ela. É sobre as milhares de almas que estão parando de acreditar que existe um Jesus que nos ama acima de tudo.
Uma vez ouvi uma história muito bonita sobre um pastor que caiu nas drogas, a igreja dele o ajudou e depois que ele voltou do centro de reabilitação as pessoas devolveram a igreja para o pastor. Jesus nos da novas chances todos os dias, quem somos nós para tirar isso de alguém?

 

Compartilhe isso, as pessoas precisam parar de julgar e olhar mais pra si!

Você Também Pode Gostar De